Últimos assuntos
Parceiros irmãos
Diretórios de recursos
Parceiros elite
Parceiros normais

[RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Merida de Cisne em Ter Maio 17, 2016 11:00 pm



Eu quero o calor...
Pra virar um boneco de neve feliz!



Esta é uma RP ABERTA, e qualquer um que desejar pode participar da mesma - desde que não venha para tretar, por favor (obg, de nada).

Ela se passa em uma tarde ensolarada, na vila. Começará com o post de Merida de Cisne, e a mesma encontra-se trajando uma roupa simples, sem armadura. A temperatura está na casa dos 30ºC, sem ventos e com poucas nuvens no céu. A vila está movimentada, com todo tipo de pessoa caminhando no lugar.


Padfoot™


♥️Merida de Cisne♥️
♥️Little Bug-boo♥️
Merida de Cisne
Cavaleiros de Bronze
avatar

Ficha de Personagem
HP:
200/200  (200/200)
Nível: 1
Cosmo:
200/200  (200/200)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Merida de Cisne em Ter Maio 17, 2016 11:21 pm



Let it go, let it go...

Merida passou a mão na testa pela centésima vez desde que colocara os pés para fora do Santuário, e o único pensamento da amazona era "por favor, esfrie".

A menina, que fora criada na Sibéria e só conhecera o verdadeiro calor quando se mudara para a Grécia, só queria era poder voltar para seu local de treinamento e para as temperaturas baixas. Ela odiava o calor, a deixava inquieta e suada. E Merida odiava ficar suada.

- Ah, mas que droga... - murmurou enquanto andava no meio da multidão, desviando das pessoas. O vestido sem mangas balançava de acordo caminhava, mas a rosada não aguentava mais de calor. 

E, quando se deu conta, caminhava apenas com roupas íntimas, carregando o vestidos nas mãos. Sentia-se muito melhor assim.

Adendos:
Bom, de acordo eu disse na ficha da Merida, ela faz isso inconscientemente - no caso, tirar as roupas q

thanks juuub's @ cp!  


♥️Merida de Cisne♥️
♥️Little Bug-boo♥️
Merida de Cisne
Cavaleiros de Bronze
avatar

Ficha de Personagem
HP:
200/200  (200/200)
Nível: 1
Cosmo:
200/200  (200/200)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Raizen de Cães de Caça em Qua Maio 18, 2016 12:27 am


Corte-os, Excalibur!

Um dia normal como qualquer outro para o Cavaleiro de Cães de Caça, mas presumia que poderia ser algo diferente do que estava acostumado, mudar? Sim. Mas como se perguntava em sua mente fechada a sete chaves, deitado em um campo aberto, gramas curtas e uma brisa forte e refrescante, estava sob a sombra de uma árvore grande que já deveria ter em média 85 anos, suas raízes naturalmente já rasgava os chãos e algumas delas lhe servia de travesseiro, formigas pequenas das mais simples encontradas em todo mundo faziam dentro da árvore em algum lugar o seu ninho, longe do corpo do Cavaleiro de Prata, várias formigas caminhavam carregando seus alimentos, mas ele não percebia esse movimento com seus olhos mesmo que sua audição percebessem movimentos baixos de insetos não perdia a sua concentração por isso, deixou se levar esquecendo a ideia de mudar o seu dia e caindo em um sono profundo, uma tarde perfeita com a brisa refrescando as partes descobertas da sua Armadura, o leve toque das gramas na pele do Guerreiro lhe deixava um pouco desconfortável ao ponto de se mexer um pouco mais para cima ou para baixo, mas se acostumava com o tempo. Abria lentamente seus olhos depois de mais o menos seis horas cochilando, o sol não estava tão forte, mas os raios de solares criavam uma falsa ilusão com cada raio que adentrava pelas brechas das folhas de cada galho, se espreguiçava na tentativa de dar uma partida em seu corpo preguiçoso jogado ao chão do campo, adiantava em partes, mas se sentia melhor naquela posição mesmo que algo dentro de si lhe mandasse se levantar, um bom motivo lhe surgiu quando pensou em treinar a sua lâmina, a sua Excalibur. Pensava que poderia ser um bom momento para testar pelo menos uma vez o poder que ela pode lhe oferecer, lembrando das lendas do Rei Arthur eu empunhou a própria Excalibur ele pensava em melhorar enquanto olhava para seu punho, podia ter a ilusão de ver a lâmina da espada em seu braço e isso lhe arrancava um sorriso no canto de sua boca afinal todo espadachim sonha em empunha-la a espada lendária.

Não sentia cosmo algum por perto e lentamente se levantou, apoiava sua mão no chão para se levantar lentamente ainda com preguiça espalhada em seu corpo, mas um empecilho bem pequeno para paralisa-lo ali. O clima ainda agradável lhe empolgou bastante, deu alguns passos a frente ficando fora do alcance da sombra da árvore, o sol que batia em seu rosto lhe forçava fechar seus olhos um pouco e por sua mão a frente de seus olhos por alguns instantes. - Odeio essa parte… - Mumurrou. Abaixou uma das suas mãos e a mais importante, a que guarda a sua lâmina ficou a altura do seu peito, estava quase pronto para disparar um golpe com toda convicção e sentimento que podia acumular no momento, abaixou seu braço lentamente concentrando aquele cosmo grandioso no seu antebraço, assim como uma lâmina ela brilhava como se refletisse a luz do sol, os pássaros paravam de cantar e os animais próximos não se moviam, talvez pegos no encanto do cosmo do preteado. E de baixo para cima disparou a sua lâmina de cosmo. - Excalibur! - Exclamou sua habilidade única. A força e a velocidade do golpe era bastante poderosas, mas não chegava muito longe e apenas em uma distância de 15 metros, isso deixava o Cavaleiro bem serio ao ponto de desistir no momento, presumia que faltava algo para sua técnica se tornar oque ele deseja. Já estava na hora de sair daquele local e voltar a Vila Rodorio, tomar uma água ou um suco era que isso que desejava no momento, refrescar seu corpo por dentro e consequentemente lhe aliviar por fora com algum liquido, não demoraria para chegar até a vila mesmo que fosse andando de costas, já tinha se passado muito tempo desde que saiu da vila e não tinha ate então nenhuma missão para fazer, as coisas muito pacificas ultimamente sem a necessidade de Cavaleiros em missões claro que era tediante para alguém que sempre estava escalados nas mais diversas e perigosas missões do Santuário. Sentia falta do calor da batalha e a emoção de por sua vida em jogo a cada movimento no campo de guerra, aquilo lhe deixava angustiado por voltar a lutar, mas precisava se contentar com a sua situação atual.

Seus passos lerdos em poucos momentos e apressados em alguns lhe levou até a Vila, pisava no solo da Vila Rodorio e percebia uma grande multidão, algo raro para a vista do garoto que nem sempre via a Vila movimentada a parte da tarde, chamava atenção com sua armadura e como sempre gostou principalmente a atenção de garotas, não se exibia por isso nem se engrandecia por trajar a armadura, ainda com ela continuou caminhando com suas mãos levantas apoiadas em seu pescoço, observava cada canto da rua e percebia algumas conversas como as de mercadores, negociando objetos e alguns até mesmo cobrando a mais por mercadorias baratas e fracas, o mal do ser humano que enjoava a qualquer um. Aquela cena não era como as que via com seus olhos negros nos locais mais pobres, observava vigor no rostos dos comerciantes corruptos, enquanto lhe vinha a visão de humanos no berço da mizeria comendo merda como se fosse um pedaço de carne, degustando de urina pois a água não sacia apenas a suas sedes, imagens que marcam a visão do Cavaleiro de Prata, se perguntava porque agiam daquele jeito se sempre havia um melhor modo de terminar as negociações, de fato tinha a sua conclusão que algumas pessoas mereciam ver a mizeria do mundo de perto para aprender a dar valor. Seus pensamentos lhe devoravam e seu cérebro lhe movimentava como um zumbi indo em apenas uma direção, não percebia e sem querer esbarrava em uma moça, ambos caiam no chão e Raizen se preocupava com oque tinha feito. - D-Desculpe-me! - Implorou por desculpa. Sua voz ecoava um tanto preocupante com a situação que se expôs, no momento em que se levantou deu a sua mão para que a garota que derrubou se levanta-se. Não sabia onde enfiar sua cara no momento em que olhou para o corpo da garota e mesmo que fosse constrangedor para ela e para ele não deixou de olhar todo o corpo dela, seu rosto ficava vermelho pela vergonha do momento nem mesmo o elmo da sua armadura podia esconder isso. - Santo Zeus… Mas que cor-... Por favor, me perdoe por minha indelicadeza. - Não terminou sua primeira palavra que seria um “elogio” ao corpo da moça, se sentia envergonhado de mais para terminar aquela palavra e logo se corrigiu pedindo desculpas mais uma vez.

Ajudou a levantar e apanhou do chão o vestido que a garota deixou cair, entregou em sua mão e mesmo assim não sabia para onde olhar, não queria desviar o olhar, mas era difícil olhar apenas para o seu rosto e seu olhar ainda assim desviava-se para outros locais. Raizen se mordia por dentro se chamando de retardado a cada batida acelerada de seu coração, estava ficando nervoso. - Peço perdão novamente, eu me chamo Raizen de Cães de Caça. - Apresentou se curvando diante da garota, sua reverencia lhe poupava ser constrangido de novo e lhe deu tempo para respirar fundo e se por em seu estado normal. - Julgando pelo seu cosmo, presumo que é uma bela amazona, correto? - Perguntou, não deixou de elogiar e dessa vez olhando de forma mais séria e mais madura para ela, o seu momento retardado como assim destacou, havia passado finalmente e isso lhe deixou mais a vontade com a garota. As pessoas olhavam isso era normal e até mesmo ele esperava por esses olhares, mas não conseguia ficar tão dócil com olhares maldosos por parte dos adultos, claro que muitos paravam os seus olharem ao perceber a sua interferência, a vila repleta por pessoas normais tinham medo de Cavaleiros pois sabiam do poder que eles tem e do que são capaz. Mudava a sua forma a partir daquela pergunta, como de costume quando ver uma garota ele se encantou, mas não deixou explicito.

Adentos:
Raizen é bem complexo, mas esse negocio de se "apaixonar" por todas as mulheres é normal vindo dele, mas não da em cima nitidamente, então tudo normal ai


Raizen de Cães de Caça
Cavaleiros de Prata
avatar

Ficha de Personagem
HP:
400/400  (400/400)
Nível: 1
Cosmo:
400/400  (400/400)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Merida de Cisne em Qui Maio 19, 2016 12:53 pm



Let it go, let it go...

Ser derrubada não fazia parte dos planos da amazona, e com certeza Misaki não ficou nada feliz com o ocorrido. Sua outra personalidade praticamente gritava em fúria e agitação, querendo dar na cara de quem a derrubara.

É por isso que você é uma sem graça! Deveria socar a cara desse infeliz até ele pedir clemência!


Cale a boca, Misaki!

Sem problemas. — a rosada sorriu, segurando a mão do rapaz, e tão logo foi puxada para cima. Viu o menino se abaixar e pegar algo do chão, oferecendo logo em seguida para Merida. Ela tombou a cabeça de lado, confusa, até perceber que era seu vestido. — Grande Hera! 

O rosto da amazona corou em vergonha, e rapidamente e tomou a peça de roupa da mão dele, vestindo-a em seguida.

Por Athena, sinto muito! — ela murmurou, enquanto ajeitava o vestido no corpo. — Eu fui criada na Sibéria, e treinava apenas de roupas íntimas para me acostumar ao frio. — riu, sem graça. "Idiota". "Cala a boca!". — Sou Merida de Cisne. Muito prazer, Raizen. 

Merida mudou o apoio de um pé para o outro. Estava visivelmente constrangida com a cena que fizera: estava andando pelo vilarejo sem roupas! Que isso não caia no ouvido de Athena.

É... Pode manter esse pequeno probleminha entre nós? — sussurrou, inclinando-se levemente na direção do cavaleiro. — Isso é inconsciente, eu juro. — completou, deixando a postura reta e encarando intensamente Raizen.

Adendos:
Bom, de acordo eu disse na ficha da Merida, ela faz isso inconscientemente - no caso, tirar as roupas q
O que está em itálico são os pensamentos. Escritas em vermelho pertencem à Misaki, a outra personalidade da Merida.

thanks juuub's @ cp!  


♥️Merida de Cisne♥️
♥️Little Bug-boo♥️
Merida de Cisne
Cavaleiros de Bronze
avatar

Ficha de Personagem
HP:
200/200  (200/200)
Nível: 1
Cosmo:
200/200  (200/200)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Raizen de Cães de Caça em Sab Maio 21, 2016 9:55 pm


Não toque.

Poucos segundos após terminar as suas palavras para a Amazona ele não precisou esperar muito para a garota reagir. Achava engraçado o momento em que ela se desculpava e suas palavras soavam engraçadas aos ouvidos de Raizen, o Cavaleiro de Cães de Caça se portava como um rapaz comum coisa que não tinha tempo de fazer, descontraído em pouco tempo de conversa não cessou seu olhar para Merida, mas de uma forma mais relaxada e sem encara-la em visão da jovem que esbarrou mesmo que fosse um tanto difícil, o elmo da sua Armadura começou a pesa em seu rosto, talvez devido ao tempo que passou no campo deitado sobe a raiz da árvore em que repousava, mas só agora a sua cabeça surtia os efeitos do elmo, retirou lentamente o seu elmo segurando-o em sua mão direita. Abriu os olhos e não acreditava muito quando ela falou sobe treinar com roupas intimas no frio. "Para quem morou na Sibéria... Isso deve ser um inferno." Pensou consigo mesmo.  Extraiu seus pensamentos para focar na sua conversa, sua aparência voltou a ser a calma e quieta que sempre aparentou, mas isso mudou no momento em que a garota se inclinou na direção dele, ao sussurrar para o prateador pedindo segredo o prateado ficava envergonhado, seu rosto ficou vermelho nitidamente e só passou assim que ela voltou a ficar ereta encarando-o. - Heheh, não se preocupe, é nosso segredo! - Respondeu piscando com seu olho direito de forma positiva. - Bom, vamos sair daqui, esse local está chato e o sol atrapalha bastante, para você que é acostumada no frio isso deve ser um tortura. - Disse enquanto caminhava passando do lado da amazona, era um convite para que a menina se juntasse a ele, Merida seguiu tomando o lado do prateado.

Raizen tinha em mente um local, uma lanchonete já que o mesmo morria de fome no momento, sua barriga roncava clamando por comida, se envergonhava e discretamente mudou a direção de seu olhar para a garota e esperava que ela não tivesse escutado o ronco de sua barriga, Raizen mudou suas atenções novamente ao seu antebraço, a sua lâmina lhe enchia de duvidas e perguntas das quais ele não tinha como responder e nem fazia ideia de como procurar essas respostas, era como segurar um punhal sem lâmina. Notou logo que a lanchonete estava próxima e isso queria dizer que passaram bastante tempo sem iniciar um dialogo. - Ah... Então... Merida, quer comer alguma coisa? - Perguntou olhando diretamente nos olhos dela, observava como de costume a pessoa a sua frente e que não lhe parecia em momento algum má pessoa para se fazer amizade. - Não se preocupe, pode pedir oque quiser, é um local simples, mas a comida é muito boa. - Respondeu tentando encorajar a garota a pedir algo. Esperou a resposta e o pedido da jovem e enquanto isso não puxou assunto para não encher sua cabeça de coisas, apoiou o seu elmo na mesa um pouco próximo do braço direito dele, deixou seus braços relaxados em cima mesa e apoiou o seu queixo entre seus braços esperando pelo pedido da garota e do garçom que chegaria em breve.


Raizen de Cães de Caça
Cavaleiros de Prata
avatar

Ficha de Personagem
HP:
400/400  (400/400)
Nível: 1
Cosmo:
400/400  (400/400)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Ivana de Corvo em Qui Jun 02, 2016 12:29 am


   

   

   

   

   
   

   
Sunset Glow

   
"All we need is somebody to lean on"

   

   

   
Observar o pôr do sol com seus corvos era um dos passatempos preferidos da amazona desde que chegou na Grécia, de alguma forma aquele espetáculo da natureza parecia ainda mais belo ali naquele pequeno vilarejo e Ivana esperava quase que ansiosamente pelo início de tudo...

-Fora daqui com esses corvos imundos, você está espantando os clientes da minha loja!


...Porém nem todos os dias podia ter aquele momento de prestígio em paz, e não seria hoje que iria começar. Foi tirada de seus devaneios por um comerciante parcialmente exaltado que lhe atirou um balde d'água, algo que ela poderia facilmente ter desviado caso estivesse atenta ao seu redor, porém não foi esse o caso e, murmurando um baixo pedido de desculpas, a garota saiu dali um pouco trêmula pelo frio.

"Não o ataquem, está tudo bem" Falou aos corvos que começavam a se agitar raivosos, Ivana sabia que bastava um sinal para que eles destruíssem toda a loja do homem até que se dessem por satisfeitos, mas o caminho que tinha escolhido para si era outro "Resignação e penitência" Repetiu mentalmente seu mantra enquanto caminhava para longe, sendo seguida pelos corvos até sentir um cosmo familiar perto dali.

Pediu encarecidamente ao vento que secasse a sua roupa e logo a brisa que passava pelo local se intensificou um pouco, ajudando a melhorar o estado das vestes encharcadas depois que a jovem torceu as roupas para retirar o excesso de água. A longa saia marrom solta e a blusa folgada de mangas branca fazia o corpo da amazona parecer mais magro do que realmente era, e sem o capuz para esconder o rosto, a cicatriz que marcava sua face e pescoço ficava mais visível que o comum, talvez por isso tivesse levado aquele balde d'água.

Respirou fundo e olhou ao redor, buscando a fonte daquele cosmo, e não se surpreendeu ao encontrar Raizen numa lanchonete ali perto "Será que ele viu o que aconteceu?" No fundo torcia para que não.

Vendo que seu colega estava acompanhado por uma garota desconhecida, Ivana ficou em dúvida entre se aproximar ou não, então resolveu observar de longe apenas. Caso Raizen a visse, acenaria de volta, cumprimentando-o, caso não, ficaria ali feliz aproveitando a boa companhia dos corvos enquanto esperavam o pôr do sol.
   

   

   
   
   


Ivana de Corvo
Cavaleiros de Prata
avatar

Ficha de Personagem
HP:
400/400  (400/400)
Nível: 1
Cosmo:
400/400  (400/400)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Raizen de Cães de Caça em Sex Jun 10, 2016 3:40 am


Ela...

  Já estava tudo perfeito de mais para Raizen, conheceu uma garota linda e tentava dialogar normalmente com ela, dar cima? Talvez, mas o humor do Cavaleiro não lhe permitia isso tudo. Continuava tentando buscar um modo de conversar, sua atenção até no momento era na Amazona de Bronze, mas algo que incomodou após sentir o cosmo deu ma pessoa familiar, não só isso como um comentário de um rapaz que ali estava próximo dele. “Você viu? Jogou água nela.. Coitada” Isso não incomodou muito até o momento em que a sua vista aparecia a sua amiga que tanto gosta, Ivana de Corvo. Se levantou da cadeira sem dar explicação para Merida e foi na direção de um dos fofoqueiros, o fato da sua amiga estar molhada significa que alguém que aqueles dois viram fez tal gesto imundo. Irritava ele não gostou daquela reação, mesmo sendo calmo mexer com seus amigos importante não é uma boa ideia.

Moveu-se até Ivana, roubava um sobretudo pendurado na parede do estabelecimento e gentilmente cobriu sua amiga lhe puxando para perto de seu corpo. Se revoltou ao presenciar aquela cena, olhava nos olhos dela sem demostrar pena alguma, mas sim felicidade em ve-la. - Que bom que você está bem Ivana, agora eu já volto, ok? - Sussurrou e apenas ela pode ouvir suas gentis palavras. Largou ela se direcionando ao local que estava com o solo molhado, algumas pessoas desconfiadas olhavam para o dono do local lhe acusando pelo feito, mas não seria difícil descobrir isso da sua maneira. - Presumo que você fez a minha amiga se molhar - Respondeu sério olhando nos olhos dele. E claro o homem se negou, não costuma fazer esse tipo de coisa, mas seus amigos é algo diferente de tudo.

A mesma mão que empunha a sua excalibur levantou-se do seu repouso, seu cosmo emanou causando uma forte brisa, aquele homem se ajoelhava diante dele implorando que não fizesse nada ao seu local de trabalho, mas o ser humano merece uma punição por tratar os outros assim, pensou consigo mesmo. - Excalibur. - Exclamou disparado a sua lâmina de cosmo no estabelecimento do rapaz, tal dano capaz de por tudo abaixo, nada estava em perfeito estado após seu golpe, os olhos do rapaz encheram se lagrimas era tudo que tinha para viver. - Você despreza as pessoas da sua própria raça, deveria morrer, não seria um crime mata-lo agora. -Respondeu com a lâmina em seu pescoço, mas ao olhar para Ivana mudou de ideia, deixava apenas uma mensagem antes de sair. - Na próxima vez, zele pelas pessoas e principalmente por quem deixa a vida em risco para proteger sua podre e desprezível vida. Tolo. - Finalizou.

Alguns passos até por sua mão na cintura de Ivana e ajudou a por o sobretudo e assim se enxugar um pouco, ela poderia se preocupar com aquilo, mas Raizen deixou de lado e a guiou até a mesa onde estava sentado, sabia que os corvos não lhe machucaria por já conhecer o seu cosmo e presenciar uma pequena parcela de seu poder. - Hehehe… Até molhada você consegue ser linda, fico sempre feliz em ver-la, Ivana. - Sussurrou próximo de seu ouvido enquanto chegavam a mesa de madeira que já estava servida com algumas comidas.


Raizen de Cães de Caça
Cavaleiros de Prata
avatar

Ficha de Personagem
HP:
400/400  (400/400)
Nível: 1
Cosmo:
400/400  (400/400)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Aberta] Eu quero o calor para virar... Um boneco de neve feliz!

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum